QUANTO CUSTA UM VÍDEO INSTITUCIONAL?

Conteúdo do artigo: Como estabelecer investimentos em vídeo empresarial.

Diversas corporações, desde pequenas até grandes multinacionais, tem investido em ferramentas audiovisuais para alcançar seus clientes, cada vez mais usando a internet para isto. Mas, durante o planejamento de investimentos em comunicação surge uma dúvida do profissional de marketing: quanto incluir no budget? Qual o valor de uma produção de vídeo? É viável o investimento em um vídeo para minha empresa ou meu setor? Cabe em meu orçamento?

Nesse artigo estão listados 04 maneiras de se calcular um valor de um vídeo institucional:

  1. De acordo com valores de mercado;
  2. Levando em conta o faturamento e tamanho de sua empresa;
  3. Calculando o retorno direto que pode ser obtido com vídeos;
  4. Comparando com outros investimentos em comunicação B2B. 

 

Balanceie os fatores aqui colocados e com certeza você já terá uma boa base do que precisa ser feito. Também recomendo ler nosso Passo a Passo na Produção de Vídeo Empresarial.

Ei! que tal entrar em contato direto agora mesmo pelo WhatsApp?
Se preferir, vá para nosso email e telefone fixo.

1) UMA IDÉIA INICIAL, DE ACORDO COM OS VALORES DE MERCADO:

Pagar de acordo com os valores de mercado é a maneira mais simples de se determinar quanto se deverá investir na área de produção de vídeos empresariais. Um vídeo institucional com recursos similares aos de publicidade custa entre R$20 mil e R$60 mil e conta com muito mais opções criativas do que investimentos menores. Aumentando o nível de complexidade da produção, melhora-se o resultado final e o retorno que sua empresa vai ter com o material desenvolvido.

Outro detalhe que também deve ser levado em conta: o tempo de utilização do vídeo, ou a sua vida útil. Quanto maior o investimento feito, melhor ele se encaixa aos objetivos da empresa e portanto é utilizado por mais tempo. É comum bons vídeos empresariais serem usados por 4, 5, 6 anos ou mais tempo.

 

O CASE DA TURY ACESSÓRIOS:

A Tury inicialmente nos procurou para criar um vídeo empresarial padrão, mostrando apenas suas instalações. Seu objetivo era de abrir mercados na América do Norte, América Central, Oriente Médio e Oceania. O escopo inicial era de um investimento relativamente baixo. Mas... qual o retorno que seria obtido?

Depois de muita consultoria, foi definido um investimento em um filme com qualidade similar a publicidade, utilizando recursos utilizados em produções publicitárias, como locação, atores, maquiadora, figurino, câmeras e lentes especiais.

O resultado você confere abaixo a versão em português, para o mercado brasileiro:

 

Este filme da Tury irá lhe dar o suporte necessário para abertura de mercado, apresentado seus produtos de forma diferenciada, permitindo fechar contratos com distribuidores em diversos países. É uma ferramenta estratégica, que, pela sua importância, requer um investimento mais alto - mas ainda assim é um valor muito inferior ao investimento feito na participação em uma pequena feira de negócios. Este filme terá uma vida útil muito grande, sem dúvida superior a 3 ou 4 anos.

 
O CASE da BORGHI BRASIL:

Muitas vezes a dificuldade é de simplesmente não termos a verba, não é? Nem sempre a diretoria aprova os orçamentos que julgamos necessários.
Ainda assim é possível criar filme com uma excelente qualidade com investimentos entre R$10 mil e R$20 mil, uma verba acessível para toda empresa ou indústria média.

A BORGHI Brasil confiou na Cinemátika a criação de um vídeo com o objetivo de marcar sua entrada no mercado brasileiro de brush machines, ou de máquinas automáticas para produção de vassouras como são conhecidas. Aqui o objetivo é reforçar a presença da marca, ou seja, é uma ação de brand awareness.

É um investimento muito eficiente, que terá uma boa vida útil e que trará ótimos resultados comerciais para a empresa, promovendo a marca com toda promessa de valor de tecnologia e atendimento, necessária para seu bom posicionamento.

 

VÍDEOS EMPRESARIAIS DE MENOR VALOR:

Com menos de R$10 mil reais, independente da produtora contratada, sua empresa terá vídeos institucionais operacionais, com soluções mais previsíveis. É típico estes vídeos serem criados apenas com uma sequência de imagens de pessoas trabalhando, locução em off e letterings simples.

Com esta faixa de investimento não é viável desenvolver uma linguagem específica, uma identidade visual de impacto ou uma narrativa exclusiva. Nós conhecemos o mercado e sabemos que nenhuma produtora tem condições de oferecer um vídeo com menos de R$10 mil e que não tenha um formato pré-estabelecido.

É possível desenvolver um vídeo empresarial, embora mais operacional, e que atenda as expectativas de comunicação da empresa. É um trabalho feito por profissionais, mas econômico. Fazendo uma analogia com automóveis, um vídeo abaixo de R$10 mil é um carro popular, enquanto vídeos com investimentos maiores são carros com mais opcionais de conforto e performance. Depende muito de sua expectativa de retorno.

O vídeo abaixo é um exemplo de investimento feito abaixo de R$10 mil:

 

MAS CUIDADO: Em vídeos abaixo de R$10 mil sua empresa pode começar a entrar em uma zona perigosa de investimento - se a diferença de preço for grande, desconfie: não existe milagre. A questão não é apenas fazer um vídeo, mas que este vídeo dê resultado positivo, ajude na comunicação empresarial e traga retorno. Tome cuidado com produtoras que oferecem serviços muito baratos. Um investimento pequeno que não traz retorno nenhum é dinheiro jogado no lixo.

Você sabe porque vídeos baratos saem caro para as empresas?

 

2) AFINANDO OS VALORES, LEVANDO EM CONTA O FATURAMENTO DE SUA EMPRESA:

Para se determinar com maior exatidão o investimento que sua empresa deve fazer em seu vídeo institucional é uma boa opção calcular de acordo com um porcentual sobre o faturamento anual de sua empresa. Esta maneira equilibra de modo mais justo a responsabilidade da produtora de vídeo perante o resultado a ser cobrado. Afinal, há muita diferença entre um vídeo feito para a Coca-Cola e um vídeo para a oficina mecânica que você conserta seu carro. Lembrando ainda, um vídeo institucional tem vida útil entre 2 e 5 anos, o que significa que não será necessário investir anualmente em um novo vídeo institucional.

Cerca de 90% das empresas brasileiras investem entre 3% a 10% de seu faturamento em marketing e comunicação, de um modo geral. Vale considerar 5% como um valor real da maior parte da indústria brasileira. Do total da verba para a área de marketing, recomenda-se que ao menos 3% seja destinado a produções audiovisuais. Componha a produção do vídeo institucional com 33% deste total.

Em valores porcentuais teremos:

5% faturamento x 3% produção de vídeos x 33% para vídeo institucional = 0,05% do faturamento anual.

Ou seja, se uma empresa fatura R$50 milhões no ano, irá investir em média R$2,5 milhões para manter o departamento de marketing e suas ações. Destes valores, R$75 mil serão destinados a diversas produções audiovisuais e R$25 mil em seu vídeo institucional.

Faça a concorrência com estes valores e escolha a produtora de vídeo que lhe passar mais confiança e lhe der a solução mais criativa. É uma excelente maneira de organizar seu investimento.

 

3) ESTIMANDO O RETORNO FINANCEIRO DE UMA AÇÃO EM VÍDEO

Uma terceira maneira de se calcular o valor a ser investido em um vídeo é se calcular o retorno que esta ação pode fornecer. Isto fica claro em vídeos de integração e de treinamento, onde as empresas costumam mensurar os desperdícios, antes e depois do vídeo.

Por exemplo, um vídeo de integração é uma ferramenta que possibilita muita economia e padronização em um processo de integração de novos funcionários ou visitantes. Ele é capa de reduzir o tempo de apresentações em PowerPoint feitas por funcionários CLT - que tem um alto custo - para uma solução em vídeo com payback em alguns meses.

Futuramente iremos detalhar mais o cálculo da economia com mão de obra obtido com vídeos de integração.
Você pode conferir alguns exemplos de vídeos de integração clicando aqui.

 

4) COMPARANDO COM OUTRAS AÇÕES B2B DE SUA EMPRESA

Uma outra maneira é calculando o retorno comercial potencial que um vídeo institucional ou outros vídeos empresariais podem oferecer.
Este ponto costuma ser um pouco mais difícil de ser calculado de modo direto pois dificilmente é mensurado se um cliente fechou o pedido devido aos argumentos do vídeo, ou devido ao atendimento do vendedor, devido a recomendações de outros clientes ou pelas informações técnicas de um catálogo impresso. Muitas vezes é uma mistura de um pouco de cada fator que, somados, constituem-se na argumentação de vendas de uma empresa.

Isso de deve ao fato de que o funil de vendas de uma empresa B2B tem diferenças com relação a um funil de vendas B2C e isso deve ser levado em conta.
Entretanto, você pode comparar outras métricas. Por exemplo, em uma feira de negócios um indicador de sucesso importante é determinar a quantidade de visitantes que seu stand teve. Essa é uma medição indireta e pode ser facilmente comparada com vídeos.

Boa parte dos gestores nunca parou para comparar os investimentos ente FEIRAS x VÍDEOS. O resultado é surpreendente, vale a pena conferir:

O que o vídeo acima mostra em detalhes, é que um investimento em feira pode custar alguns reais por visitante - no caso demonstrado o valor ficou em cerca de R$8 por visitante.

Já em alguns tipos de vídeos, mais especificamente em vídeos de conteúdo, é possível chegar em valores inferiores a R$1 por visitante. Em alguns casos é possível chegar em valores abaixo de R$0,4, apenas 40 centavos - ou menos - por visitante.

No caso de outros tipos de vídeos, como vídeos institucionais, esse valor por espectador irá subir um pouco, mas pelo fato de vídeos institucionais terem uma vida útil que pode chegar a 5 anos ou mais, os valores também tendem a ser inferiores a R$1 por visitante.

 

Seja como for, um vídeo direcionado a vendas amplia o arsenal de argumentação de sua equipe, tornando mais eficiente seu mix de vendas.

Clicando aqui você encontra um artigo com uma análise de custo do uso do vídeo no planejamento de vendas e otimização comercial.
___________________________________________________________

CINEMÁTIKA – (11) 4226.4797

Entre em contato direto agora mesmo pelo WhatsApp.
Se preferir, veja nosso email e telefone fixo.